Dias que são anos

Foste um tudo.

Tudo o que poderia ter pedido, ou pensado.
Foste amor.
Foste amado.
Foste um pedaço de futuro que me deram a ver.

Farás parte de mim como algo bondoso e lindo que tive a oportunidade de viver.

És um homem com um coração tão grande como a incerteza em que vives, e isso torna-te único e especial.

Lembras-te como me bastava olhar para ti e sorrir?
Será assim sempre que te recordar.
Que me lembrar do cheiro da tua pele e da forma como me agarravas sem me querer deixar ir naquela tarde.

As minhas mãos não perderão os contornos do teu corpo.
E os meus olhos irão sempre recordar a forma como os teus os tocavam.

Não poderei nunca pedir mais do que aquilo que me fizeste sentir, neste conjunto de dias que pareceram anos.

Tua, enquanto fores meu.
Todas as partes de mim te pertenceram.
E agora voltamos a ser dois.
E cada um pertence a si mesmo de novo.

Deixei em ti um pedaço do meu coração.
Promete-me que o guardas…

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s