Energia Azul

O rosado da minha pele, faz transparecer o meu sorriso.

A alegria,
o equilibrio que arranjei entre o cérebro e o meu coração frio.
Os obrigados gratuitos,
as ajudas não requisitadas,
os abraços espontâneos.
Sou uma luz azul.
E lilás e prateada.
Montei as minhas peças, olhando para as instruções, com os olhos limpos pela energia.
Ainda não parti,
nem sobrou nenhuma peça.
Tudo encaixou.
Até me considero um “brinquedo” perfeito.

Os meus olhos mostram agora o que sinto,
não o que escondo nos cantos mais escuros.
Sou paz.
Sou harmonia.
Sou calma.

Sou energia Azul.