Sentado ao meu lado…

O desejo de te ter,
Já,
Aqui,
Consome-me.
Quero-te tanto sentir bem dentro de mim.
O toque da tua pele quente na minha, sedenta.
Quero o teu descontrolo, o teu gemer.
Quero que me queiras.
Que me desejes tanto como te desejo.
Possui-me violentamente.
Toma-me vezes sem conta.
Quero o teu agarrar no meu corpo.
O teu olhar, nos meus olhos.
Deixa-te ser meu.

Estaremos no silêncio escuro, no meio de mesas, cadeiras, colegas, e escritos,
Onde ninguém nos vê
E ninguém vai saber.

Advertisements